Alessandra Abreu - Espaço Terapêutico

"Um funcionamento inadequado da psique pode causar tremendos prejuizos ao corpo, da mesma forma que, inversamente, um sofrimento corporal pode afetar a psique, pois psique e corpo não estão separados, mas sim animados por uma mesma vida." Carl Gustav Jung

domingo, 18 de outubro de 2009

Sobre o Sol e a Lua





O que significam o espírito e a essência do masculino e do feminino? Do que estamos falando exatamente? Masculino e Feminino são expressões do existir humano que aparecem na dimensão simbólica na forma como somos e estamos no mundo. Tais essências não estão atreladas somente à condição sexual, ao fato de ser homem e mulher, mas sim, representam princípios psíquicos que podem ser vivenciados ou negados, tanto pelo homem como pela mulher.
Masculino (Sol) e Feminino (Lua) são formas de percepção e relação com a vida, com o outro e consigo mesmo, com o universo enquanto totalidade. Sol e Lua são polaridades que se complementam para uma percepção mais rica do mundo.
Entretanto, por serem polaridades, suas naturezas e orientações são diferenciadas. A forma solar de se relacionar com o mundo é orientada pela expressão Yang e a forma lunar é orientada pela expressão Yin.
A compreensão destes princípios foge à compreensão racional. A maneira mais profunda de contatarmos seu significado é através da linguagem dos sonhos, dos símbolos, dos mitos, do sentido e da intuição, da criação artística...
Yin e Yang (Lua e Sol), de acordo com a cultura chinesa, formam o casal cósmico, refletindo dimensões humanas de imagens arquetípicas do masculino e feminino sagrados. Yin representa a terra, é a mãe, é o feminino. Yang é o céu, é o pai, o masculino. É na interpretação de suas características que nos religamos aos aspectos primordiais de nossa natureza psíquica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário